VIRADA DA DIVERSIDADE EXIBE 26 DOCUMENTÁRIOS SOBRE VIVÊNCIAS LGBTQIA+ NA BIBLIOTECA PÚBLICA DE OURO PRETO

  • 22/06/2022
  • 0 Comentário(s)

VIRADA DA DIVERSIDADE EXIBE 26 DOCUMENTÁRIOS SOBRE VIVÊNCIAS LGBTQIA+ NA BIBLIOTECA PÚBLICA DE OURO PRETO

No dia 01 de julho, a Biblioteca Pública Municipal de Ouro Preto será palco da primeira “Virada da Diversidade LGBTQIA +". Das 21h às 06h da manhã, os livros compartilharão o espaço com o cinema, isso porque serão exibidos 26 filmes documentários sobre o cotidiano da comunidade LGBTQIA +.

O evento é uma realização da Prefeitura Municipal de Ouro Preto, da Secretaria Municipal de Educação e da Biblioteca Pública Municipal, com o apoio do Instituto Coletivo Decolonial Brasil e do Cine Vila Rica. Para participar é necessário enviar um e-mail para bibliotecapublica@ouropreto.mg.gov.br.

Cleusmar Fernandes, diretor da biblioteca, explica que a “Virada da Diversidade” é um convite da Secretaria Estadual de Cultura de Turismo de Minas Gerais (Secult), através dos sistemas de sistemas de bibliotecas e museus, para que esses espaços ofereçam, uma vez ao mês, uma programação noturna.

“A Biblioteca Pública, por ser um espaço de construção de idéias, de estudos e de diversidade, está realizando a virada. [...] No dia 28 de Junho, é comemorado o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, que marca, literalmente, a luta da comunidade. [...] Mediante a isso, nós estamos fazendo a virada. É dizer que a biblioteca é friendly (amiga), que é um espaço onde toda a diversidade será bem recebida, [...] seja qual a orientação sexual, o gênero, a raça. [...]”, destacou.

Os 26 documentários que serão exibidos abordam de distintas formas as identidades presentes na sigla LGBTQIA+ (lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais, queer, intersexo, assexual e outras possibilidades de orientação sexual e/ou identidade de gênero). Segundo o diretor da Biblioteca, eles foram escolhidos entre 250 filmes, sendo priorizado o tempo de duração.

O documentário “Sem Rótulos", realizado em 2016, por alunos de diversos períodos do curso de Comunicação Social da Universidade Estadual da Paraíba, é um dos filmes selecionados. Glêbson Rodrigues, jornalista e um dos diretores, conta que a ideia é que o documentário seja uma porta para iniciar o diálogo sobre a temática LGBTQIA+. É a primeira vez que o filme será exibido em Ouro Preto.

“Ainda há muito para ser discutido e ensinado. É uma luta de anos, de gerações. O que precisamos destacar urgente é a necessidade do respeito pelo próximo, que é o básico em qualquer circunstância. Ainda, há muita luta pela frente, mas estamos caminhando. [...] O documentário foi feito pela vontade dos alunos de trazer esse debate para a população e, principalmente, para os mais jovens”, completou.

Confira a lista de filmes selecionados:

  • Rapaz em Amarelo;
  • Transbaixada;
  • As luzes apagadas e o resto do mundo;
  • As Sombras;
  • Poente;
  • Eu, Drag Isolada;
  • Bicha Preta;
  • A pele que ferve ao toque da outra; Urano;
  • Obrigada por me deixar assim;
  • Juízo Final;
  • Urso+;
  • Os Herdeiros;
  • Xampy;
  • Além de Preto, Viado;
  • Tempo em Cores;
  • Sem Rótulos;
  • Notification;
  • Horizonte Eventos;
  • LGBT Sem Terra: o amor faz revolução;
  • Voltando para casa;
  • Primavera de Fernanda;
  • O Amor de Paloma e Érica;
  • Abrigo ao lado;
  • Sétimo Dia;
  • MEGG - A Margem que migra para o Centro.

Por Lucas Porfírio

Imagem: Reprodução

Fonte: Jornal O Liberal


#Compartilhe

0 Comentários


Deixe seu comentário








Aplicativos


Locutor no Ar

Top 5

top1
1. Hotel Caro

Baco Exu do Blues & Luísa Sonza

top2
2. ACORDA PEDRINHO

Jovem Dionisio

top3
3. Balanço da Rede

Matheus Fernandes e Xand Avião

top4
4. DENGO

João Gomes

top5
5. No Ouvidinho

Felipe Amorim

Anunciantes